Overblog Seguir este blog
Edit post Administration Create my blog

Portal da Damba e da História do Kongo

Portal da Damba e da História do Kongo

Página de informação geral do Município da Damba e da história do Kongo


UNACA quer aumento da produção agrícola no Púri

Publicado por Muana Damba activado 21 Septiembre 2016, 20:04pm

Etiquetas: #Notícias do Uíge

 UNACA quer aumento da produção agrícola no Púri

Uíge - O presidente da Federação das Associações de Camponeses e Cooperativas Agro - agropecuárias (UNACA), Albino da Silva Lussati, pediu terça -feira, a população camponesa do município do Púri, para aumentar a produção agrícola, com vista a contribuir para a diversificação da economia no país.

Falando na abertura do encontro com os camponeses organizados em associações e cooperativas agrícolas, Albino Lussati disse que os camponeses devem se engajar no aumento da produção para mitigar os efeitos da crise económica e financeira provocada pela queda do preço petróleo no mercado internacional.

“A nossa vinda a província visa auscultar os problemas que os camponeses vivem”, disse.

Informou que a Unaca congrega cerca de um milhão e cinquenta membros em todo país e tem merecido vários apoios do Executivo angolano.

Reconheceu que os camponeses enfrentam grandes dificuldades no seu trabalho diário , tais como a falta de máquinas agrícolas, enxadas, catanas e outros instrumentos.

Por este facto, referiu que o Executivo angolano vai continuar envidar esforços no sentido de melhorar as condições dos camponeses.

Por outro lado, disse, "é necessário apostar no estudo para que na venda dos vossos produtos ninguém vos engane ao fazer as contas “, aconselhou.

Na província do Uíge, Albino Lussati visitou a associação agrícola “Manuel Sorte”, 12 quilómetros do município do Púri, que possui 900 hectares.

A UNACA no município do Púri controla dois mil e 892 camponeses associados em 38 associações agrícolas, sete cooperativas e mil e 522 operadores.

O município do Púri possui uma população estimada em 35 mil e 492 habitantes na sua maioria camponesa.

Camponeses do Púri necessitam de alevinos

Quinze tanques de aquicultura das associações dos camponeses do município do Púri, 88 quilómetros da cidade do Uíge, necessitam de peixes reprodutores (alevinos) para o fomento da espécie na região, informou hoje, à Angop, o chefe das associações, Romão Sozinho.

Segundo o responsável, actualmente a representação das associações dos camponeses controla 116 tanques com peixes diversos e outros 15 sem peixes.

Informou que a instituição camponesa no município do Púri actualmente controla igualmente dois mil e 892 associados integrados em 38 associações camponesas de produtos diversos e sete cooperativas com mil e 522 operadores.

Referiu que as associações e as cooperativas necerssitam de financiamento, meios de transporte e assistência para 12 máquinas de lavoura avariadas.

Informou que as associações conseguiram produzir 177 mil e 893 toneladas de produtos diversos em 45 mil e 450 hectares de terras desbravadas.

Via Angop

Archivos

Ultimos Posts